segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Eu Te Amo

O que você escolhe para a sua vida?

Escolhas, caminhos, decisões. Muitas vezes eu digo, e repito, que as pessoas tem dois caminhos a escolher, sempre. Você pode decidir manter-se onde está, ou mudar os seus passos. Decidir por ser feliz! Sim, decidir por ser feliz.

Eu optei ser feliz. Optei rasgar rancores, mágoas ou má recordações. Optei em deixar as coisas seguirem seu fluxo natural e não mais esconder ou ocultar um sentimento que existe dentro de mim e que jamais titubeou ou estremeceu. Optei pelo Amor. Optei por Você.

Eu queria, verdadeiramente, ter o dom de te permitir estar dentro de mim um único momento, talvez quando nossos olhos se encontram, depois de alguns dias sem te ver. Ou pela felicidade pulsante do meu coração ao encostar-me em seus ombros e me sentir protegida e amada, pelos seus braços... Assim, não mais te restariam dúvidas sobre esse amor que vive e cresce dentro de mim, dia após dia.

Queria eternizar momentos como os que ficamos, naquela pracinha do interior em pleno sol do meio dia, com uma cerveja na mão e falando sobre tantas coisas e tantos assuntos. Eternizar momentos sérios, como aqueles onde as promessas se tornam verdade, vista pelos olhos e sentidas pelo coração.

Eu preciso de você, porque a minha metade é você. E sem esse amor eu apenas existo. Com esse amor eu sei quem eu sou e o que quero. Hoje, sei o que quero, como quero e com quem quero.

A tradução de amor, pra mim, é uma só: é você, Thiago/amor.

Ao som de Realejo, O Teatro Mágico.

Um comentário:

  1. Nossa...que coisa linda...me emocionei!!!

    Dairis

    ResponderExcluir

O uso da palavra define o ser humano. Raramente, num instante de meditação, ficamos livres do pensamento. Uma das nossas características centrais é que falamos quase o tempo todo, não apenas com palavras físicas, mas também mentalmente. Quando não dizemos nada para os outros, estamos dizendo coisas para nós próprios. Quando não escutamos alguém, ouvimos dentro de nós a voz interior das esperanças e anseios que habitam nosso universo pessoal.
Portanto, sintaxe a vontade, para expressar-te aqui!